Kyon #6: Entrevista com o Kyon

terça-feira, 3 de maio de 2016
Olá, pessoas! Kyon aqui de novo.
E hoje, estou resgatando mais uma postagem do meu antigo blog.
E hoje será a primeira entrevista que Anelise fez comigo, lá em 2013. O post original pode ser visto aqui.
Nele eu falei sobre mime  sobre meus pensamentos, então vocês vão poder me conhecer um pouco mais!
Confiram...

Anelise entrevista o Kyon

1- Você gosta de postar no seu blog?
Claro que gosto. Quando comecei não era tão assim, mas com o tempo virei blogueiro e passei a gostar de fazer isso. É bom poder falar de alguma coisa. É bom ter algo a contar.

2- O que você acha de você mesmo?
Eu acho que sou como qualquer humano, espírito melhor dizendo, imperfeito. Tenho minhas qualidades e meus defeitos, eu sei disso e me esforço para melhorar. Sei também que tenho que estudar muito para poder chegar a perfeição e o melhor de mim.

3- É tão divertido assim falar de mim?
Uma coisa é verdade: É bem mais divertido falar dos outros. (risos) Eu até falaria de mim, se eu fosse encarnado e fizesse algo interessante. Mas, como eu te acompanho, eu só vejo o que você faz, de quem falarei então? É óbvio!
E admito que me divirto mesmo! Sou tão engraçado quanto você!

4- O que você faz quando eu paro de falar com você?
Eu fico apenas observando. E alias, essa foi uma característica que te ensinei bem.

5- O que faz quando está fora do blog?
Essa pergunta está meio repetida não? Haha
Enfim, converso com você, te observo, fico pensando em algo que posso postar no blog, estudo e muitas outras coisas.

6- Qual das minhas histórias mais gosta?
Difícil dizer, eu sou quase um co-criador, te ajudo com algumas ideias. Podem ser TODAS?
Todas elas são ótimas e me agradam muito. Alias, visitem o Contos Anê. Momento propaganda!

7- Como é ser meu mentor?
É um pouco complicado, mas esse tipo coisa é assim mesmo. Guiar alguém não é mole. Mas mesmo sendo teimosa e muito estressada, você sempre me escuta quando necessário. Sabe bem o que quer, mas é meio preguiçosa para ir atrás, né mocinha? Mas, eu sei, você consegue!

8- Se acha parecido com o Kyon? E com o Strider Hiryu?
Fisicamente falando não, até porque eu posso mudar a maneira como me pareço. Então, se eu quiser, eu posso ser o Kyon. De personalidade pode até ser que sim. Alguém que vive entediado e parece que ninguém o escuta, uma pessoa normal até demais.
Já o Strider? Bem, de jeito nenhum. Ele é muito OP (Over Power) para eu ser ele. Admito que ele é bonito, tem estilo, mas eu sou normal e imperfeito para ser algo como um ninja. Não que o Strider o seja, foi a melhor palavra que achei para explicar.

9- O que gosta de fazer sem mim no meio?
Pensar sobre mim; estudar, e não é matemática; passear um pouco por aí; visitar alguns amigos; etc.

10- Do que você não gosta?
De fazer, acho que é ficar atoa. Mas as outras coisas são: Pessoas que fazem mal a outras, os problemas deste mundo. Sei que não posso ajudar todos, tento apenas fazer minha parte com você.

11- Por que não deixa uma mensagem aos leitores do blog?
Agradeço a todas as visitas. Obrigado por aguentarem este ser que nem podem ver e tocar.
Obrigado por aguentarem-me contando as pérolas das Anelise e também os “Comentários do Kyon” que às vezes são infames.
Espero que continuem visitando o blog e poderem conversar e rir comigo. Só posso dizer mesmo: Obrigado a todos!

Espero que tenham gostado. Até a próxima!
Beijos do Kyon!

1 comentários :

Gislaine Oliveira disse...

Oi Ane, oi Kyon, tudo bem com vocês????
Adorei a entrevista =D
Sabe que neste frio que está fazendo (pelo menos no sul está muito frio hehehe), acho que é até bom ser como o Kyon kkkk
Não que eu queira ser já, sou muito nova para desencarnar kkkkkk
Beijooos
http://profissao-escritor.blogspot.com.br/