Dicas para escrever: Nomear capítulos, Classificação indicativa

sábado, 15 de agosto de 2015

O dicas de número 5 do blog! AEHOOOO
Podem conferir os outros: Dicas 1, Dicas 2, Dicas 3 e Dicas 4.
Para hoje, escolhi dois tópicos e que vão com certeza ajudar muito vocês: Nomear Capítulo e Classificação Indicativa.

Nomear Capítulos

Junto com a sinopse é uma das coisas que muita gente não sabe como proceder.
Mas o que significa esse tópico, Anelise?
Trata-se da melhor forma que você listar os capítulos da sua história.
Convenhamos que fica meio feio você só colocar números no capítulos. Tipo, apenas 1, 2, 3.
Se você se acha péssimo para "batizar" capítulos, uma boa saída é um simples Capítulo 1, Capítulo 2. Tanto em algarismos arábicos quanto em romanos. É uma boa saída!
Agora, se forem como eu, que gostam de dar nomes ao capítulos, eu te ensino uma saída para isso ser simples e não mais um bicho para você se preocupar ao invés de escrever a história.
Foque no que você vai querer que aconteça naquele capítulo. O que é? Você pode usar isso no título.
Ex: Um personagem vai fazer aniversário? "Aniversário de fulano"
Dois personagens vão ter uma briga feia? "Quase deu porrada" (Se a história for de humor, fica ó!)
Algo muito importante será revelado? "Revelação"
Não precisa ser algo genial, pode ser o óbvio mesmo, mas cuidado para não acabar dando spoiler. Isso também vai muito do seu instinto como escritor. Eu aprendi a fazer isso sozinha e já batizo o capítulo naturalmente e sem dificuldade. Claro que você fazer umas jogadas com o título do capítulo, afinal, não há regra.
É só treinar que você logo logo vai fazer com pé nas costas. haha (Amo essa expressão!)

Classificação Indicativa

Aqui é onde mora um dos pontos cruciais da sua história. Porque se você classificá-la errado, é provável que o site que você a publica a exclua ou te dê alguma advertência.
Então você tem que saber o que tem sua história que não é recomendação para idade tal.
Gente, eu sei que tem crianças que leem histórias 18+, mas o aviso está lá, se a pessoa leu ela assumiu o risco. Você devidamente avisou!
Essas são as categorias, me baseando pelo Nyah Fanfiction:
Livre: Nenhuma restrição. A história deve ter uma temática livre, sem linguagem imprópria, sexo ou violência por exemplo.
13+: Violência e insinuações leves. Pode conter linguagem imprópria, violência leve e insinuações de sexo.
16+: Violência, sexo implícito. Além da linguagem imprópria, violência e sexo implícito, ou seja, onde você diz que os personagens fizeram, mas não diretamente.
18+: Violência, sexo explícito. Linguagem imprópria, violência (tipo com tortura) e sexo explícito, onde se descrevem as cenas de sexo.
Cabe apenas a você perceber se a sua história tem alguma dessas características, assim ela entrará nestas restrições.
Pense bem nela e o que acontece. Os personagens xingam palavrão? Alguém é ferido? Toma tiro? Troca porrada? Alguém transa? Coisas assim!

Bem, pessoal. Mais uma edição das dicas.
Já sabem né? Isso não pode ser levado como algo absoluto, é só para dar uma direção a vocês.
Qualquer dúvida é só perguntar nos comentários.
Beijos!

2 comentários :

gih disse...

Oiii Ane, tudo bem??? Se tem uma coisa que eu odeio demais é títulos dos capítulos com spoiler, ahhhh como eu odeio isso.
E sabe que classificação indicativa é uma coisa que eu sempre bato o pé? Por mim todos os livros teriam. Acho mais do que justo.
Beijão
http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

Francine Porfirio disse...

Oi, flor!
Adorei as dicas. Eu não tenho problemas com títulos… Em geral, eles aparecem muito facilmente para mim. O problema reside mais no título da história, como um todo. Isso complica. A minha primeira história tinha uma frase enorme como título: A Cada Desilusão, Um Novo Saber. Era grande, né? Mas vi que o povo curtia muito a frase. Depois, decidi fazer títulos de uma, duas ou três palavras. A maioria é assim. Eu ainda não decidi o título do meu livro, acredita? Tenho uns 5 títulos pensados, mas acho que vou atrás de alguns amigos para me ajudarem.

Beijos!
http://www.myqueenside.blogspot.com