Review SUPERNAL LIBERTY

sexta-feira, 9 de maio de 2014

Mais uma review de álbum e dessa vez não é da minha diva, mas sim de outra seiyuu que eu amo muito: Nana Mizuki.
A mulher é a seiyuu n° 1 do Japão e também não é para menos. Quando comecei a acompanhá-la, ela colocou o seu álbum ULTIMATE DIAMOND (2009) no topo do ranking da Oricon (que é o maior ranking do Japão). Este ano ela repetiu o feito com SUPERNAL LIBERTY.
O álbum saiu no mês passado: Abril.
É este que eu vou analisar/comentar para vocês. =)

1. VIRGIN CODE
A música que abre o álbum, mas não pode ser considerada música-intro, pois é bem grande. Me lembra bastante NEXT ARCADIA de um dois álbuns anteriores. Nana mostra o seu vocal carregado e maravilhoso com a junção de violino + pop. É uma ótima combinação!

2. GUILTY
Essa é aquela música para dançar. Gente, eu não consigo não soltar um lado sexy quando a escuto. É meio que chamando o seu homem para você, sendo que você está sedenta. "Do it, Do it now." "Gimme, Gimme now." Estou dizendo isso porque eu já vi a tradução da letra e é isso mesmo. Consigo imaginar uma abertura de anime com essa música. Ela é meio pop-rock.

3. アパッショナート (Appaissonato)
Essa foi uma das músicas que promoveu o álbum. É o estilo da Nana. Começa lenta e agita. Com presença de guitarras e um estilo meio dark. O clipe é muito legal! O vocal da Nana está forte, como sempre.

4. 笑顔の行方 (Egao no Yukue)
Essa música é um cover, não me recordo de que banda agora. Eu gostei bastante dessa música, um pop bem relax e bem feito, como alguma música mais antiga. Não posso dizer se ficou um bom cover, pois não conheço a original.

5.アンティークナハトムジーク (Antique Nachtmusik)
Música pop agitada. Tem alguns momentos mais lentos e depois "sobe". Não sei porquê, mas me lembra Sailor Moon. Deve ser pelo "Moonlight". Tem hora que eu viajo mesmo.

6.Fun Fun★People
Aquelas músicas animadas do álbum. Muito boa de ouvir. Ele tem um tom de jazz e serve bem para levantar o público na hora do show. "Oh yeah, oh no!"

7. FATE
Uma música lentinha e que um aspecto romântico. Aquela coisa de amor perdido e tal. haha
Lembra bastante as chara-songs do White Album, as que são da personagem dublada pela Nana. Também bastante semelhante as músicas de mesmo estilo dos álbuns anteriores.

8. Vitalization -Aufwachen Form-
Está é uma das duas singles tracks desse álbum. O que há de diferente é apenas uma intro no começo. Teve muita gente que não gostou, mas eu adorei. É uma batida bem legal. Eu tenho tendência a gostar desse tipo de coisa, vide que eu amo Paradise Lost -at next nest- da Minorin e também do Next Destination (com batida a mais) da Ayahime.
É uma música normal da Nana, afinal essa música pertence a uma anime e também o dedinho da Elements Garden nele. Presença do violino e batidas marcantes mais o vocal potente da Nana-chan.

9. 哀愁トワイライト (Aishuu Twilight)
Mais um pop leve e bem legal. Também tem uma pegada meio de jazz. É aquele tipo de música que dá para relaxar ao dançar e vocal da Nana fica mais levinho, porque tem hora que dá uns vibratos que... Chessus! haha

10. セツナキャパシティー (Setsuna Capacity)
Essa música também tem o trabalho da Elements Garden. Ela é um pop-rock bem legal e que me lembra mais umas outras tantas músicas da Nana. Só que essa, como todas as outras, tem a sua essência e eu sei perceber isso.

11. Ladyspiker
Sem dúvida é uma das músicas que eu mais gostei do álbum, junto com GUILTY. Não desmerecendo as outras, são muitas boas, só que essa eu não consigo ouvir apenas uma vez. Tem que tocar um segunda, terceira. Me marcou muito!
É um rock ao estilo que o Nana sabe fazer. Rock marcante e dançante (e me faz soltar a diva presa). Eu consigo imaginar todas as minhas personagens com essa música tocando no fundo.
Adoro quando ela fala "Freedom". =)

12. Rock you baby!
Um pop-rock bem divertido e dançante. Até fazendo vozinha fofa essa moça canta bem. O vocal fica até mais tranquilo para cantar. (Vai tentar imitar.)
Vai ser mais uma daquelas que vai usada para agitar o público no show.

13. Million Ways=One Destination★
Essa música até pertence a um jogo, que obviamente não vou jogar. Se assemelha bastante as single tracks dela, melhor, as que são lançadas como single. Lembra um pouco BRIGHT STREAM, PHANTOM MINDS. A música tem bastante presença de guitarra no final.

14. 僕らの未来 (Bokura no mirai)
Uma música muito boa para dançar. Dá vontade de sair fazendo as dancinhas da Nana. Tem um instrumental bem legal, misturando batidas pop e rock. A bateria tem uma presença forte.
E o solo me lembra uma música do KOF que eu ouvi uma vez. :3

15. 愛の星 -two hearts- (Ai no Hoshi)
A outra single-track do álbum, só esta é uma b-side. Música mais que perfeita para encerrar o álbum. Ela já era bem calminha e ganhou uma harpa nesse arranjo, que ficou lindo. Espero que a Nana canta no próximo orchestra live. Quando escuto consigo ver a Nana sentada tocando a harpa e cantando.
Eu não sei a tradução, mas tenho certeza que é linda, ainda mais se ela foi escrita pela própria Nana.

SUPERNAL LIBERTY é um álbum excelente e que fez mais uma marca na carreira da Nana e na história dos seiyuus e da j-music.
Todo o seu conjunto fica muito. Só dar o play e deixar rolar. Deixem se deliciar pela voz forte dessa moça.
Espero que tenham gostado.
E desculpem qualquer erro, não sou boa entendedora de música e também não me acho grande entendedora da Nana-chan.

0 comentários :