Precisamos falar sobre... #10: Polêmica da Maisa, Dudu Camargo e Sílvio Santos

terça-feira, 27 de junho de 2017

E claro, novamente, um post deste estilo se faz necessário. E sinceramente, é uma categoria bem para quando rola uma polêmica. Sempre me afasto delas um pouco, mas algumas cutucam no meu lado feminista de ser.
Falarei hoje sobre a polêmica da Maisa, do Dudu Camargo e do Sílvio Santos que rolou nessa última semana. Tudo aconteceu no Programa Sílvio Santos, durante o Jogo das Três Pistas, que consiste em dar três pistas sobre algo e eles devem adivinhar, o auditório também participa.
Só que, na boa, foi um show de horror. Eu nem sei como consegui assistir a tudo. Acho que foi pelo bem desta postagem!
Enfim, os dois, Dudu e Sílvio, ficaram bons quinze minutos falando sobre a vida pessoal da Maisa. Numa espécie de "eu sei o que é melhor para você mais que você mesma".
Sílvio ficou empurrando o Dudu para menina, dando uma de cupido fail total. E você percebia a pobre desconfortável com toda a situação. E olha que ela não tava aguentando calada não. Ela disse o tempo inteiro que "não", "ele não faz meio tipo", ainda disse que "ele é muito engessado". (Nisso eu concordo com ele. O garoto é totalmente fabricado. E o infeliz é jornalista sem diploma, que ódio!)
Sílvio ainda disse que eles deviam casar e ter um filho, já que ela tinha 15 anos. Gente, ele perdeu mesmo a noção do ridículo.
E nem entremos no detalhe do Dudu Camargo provando a sua heterosexulidade feat Menina otaka aleatória dançando com ele, já que Maisa não quis. (Nada contra a garota otaka, é porque ela tava de uniforme marinheiro e meia de gatinho.)
É ridículo uma pessoa querendo provar algo só por mídia. Isso é falta de segurança!
Sem contar que ele fala como se estivesse num jornal, que angústia da porra!
Teve gente que disse que a Maisa foi mal educada, que ela tinha que ter entrado na brincadeira. Gente, qual o problema de vocês?
Alguém te empurrando macho escroto, o macho escroto querendo dançar contigo, ter sua vida pessoal toda posta em cheque, falando que é falta de namorado, é TPM, é BV. Maisa tava certa de não se calar. E não se calou mesmo! Maravilhosa!
Acho que ela foi super educada até. Porque ela, apesar dessas "gracinhas", ficou lá, linda, bela, maravilhosa, empoderada, sambando. Ela não se deixou abater. Podia ter saído? Podia! Mas o melhor que ela fez foi não ter saído, ela nos deu uma lição com isso.
Fez valer suas palavras, mostrou sua indignação, questionou as frases direcionadas a ela.
Juro que se fosse eu, já tinha dito algumas pros dois. Já tinha mandando a merda mesmo! Tenho paciência não.
E também até colocaram a Larissa Manoela no assunto, sem a garota estar ali para se defender.
E depois teve o jogo, normal, voltando ao assunto "do casal" umas duas vezes. E claro, que tinha que fechar com Maisa quase perdendo por ser roubada. (O auditório ganhou, mas a Maisa ganhou do menino.) Porque uma das respostas era "aeromoça", mas a Maisa, mais que certa, disse "Comissário de bordo", que é nome correto da profissão. Sem contar que até a dica tava bem sexista viu: É bonita e gentil. "Meress"...
Maisa, parabéns pelos pisões que você deu nos dois! E a lição e força que você mostrou para muitas outras moças! =D (E o sapato da sola vermelha.)

2 comentários :

Mari disse...

Isso sem contar que depois saiu matéria dizendo que teve uma parte do programa que foi cortada e não foi ao ar, em que o Dudu dizia pra Maísa dormir com ele. Ele deu entrevista na Sônia Abraão falando disso e a Sônia FEZ PIADA, RIU E AINDA DISSE QUE A MAÍSA 'TAVA EXAGERANDO. :'D

Gislaine Oliveira disse...

Oiiiii, Ane.
Eu não conhecia o Dudu antes disso. Não sei quem ele era, se já tinha feito alguma merda antes, ou coisa do tipo. Vi só depois, aquele negócio no pânico e tal.
Minha opinião sobre o assunto é um pouco mais complexa.
Eu entendo a Maísa e tal. Mas olhando apenas o programa, acho que ela deu uma mancada feia. Porque quem começou com toda a história, foi o Sílvio Santos. Só que ela não ofendeu ele, ofendeu o menino. Mais uma vez, não sei se ela já tinha passado por alguma coisa antes e tal com ele. Daí isso eu não posso dizer. Estou falando pelo programa mesmo.
Claro que o menino bem que podia ter feito o mesmo e ter cortado o apresentador. Mas eu também não sei como é a relação chefe-funcionário. E querendo ou não, há sim uma opressão ali. Claro que a Maísa tbm passa por isso, mas ela está na tv desde pequena e é famosa por suas opiniões fortes.
Então eu não acho que a Maísa tenha exagerado em ter ficado incomodada. Só acho que ela focou a "raiva" na pessoa errada.
Mas claro que depois o menino também foi idiota e tal.
E parece que deu entrevista e tal e daí sim, cagou de vez.
Mas vou te dizer que eu também me preocupo com o moço.
Fico com medo da repercussão que isso pode ter, sabe?
A gente não conhece ele. Não sabe o que ele passa. Não sabe se é depressivo, se tem algum outro transtorno, se é bem resolvido com a sua sexualidade... A gente não sabe nada.
E eu fico com medo de onde toda essa onda de tiração de sarro pode acabar.
Não teve esses dias mesmo um menino que se matou por causa de umas piadas que estavam acontecendo envolvendo ele? Então, eu fico com medo de que isso possa acontecer também.
Cheguei em um estágio da minha vida, que eu simplesmente tento entender o lado de todos os envolvidos. Porque eu acho que empatia é isso. Não dá pra selecionar por quem seremos empáticos.
Claro que meu coração feminista, se precisar escolher um lado, será o da Maísa. Mas além disso, eu acho que é importante a gente entender que nem todo mundo é desconstruído, que nem todo mundo sabe lidar com as situações e que uma zoação dessas, pode destruir a vida de alguém.
Um beijão
http://profissao-escritor.blogspot.com.br/