Para de se cobrar tanto, moça

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Para de se cobrar tanto, moça!
Pare de se cobrar essa perfeição, esse "eu não posso errar", "eu estou sempre errada mesmo". Para com isso! Você é uma pessoa que comete erros como qualquer um. Não se puna por seus erros, por mais bobos que eles sejam.
Tudo bem que você falou algo que não devia, se não fez algo que alguém insistiu muito para você fazer, mas não era sua vontade.
Tá tudo bem se dessa vez você não ganhou o concurso que esperou meses pelo resultado. E sei bem que você se martiriza por não ter ganho, cobrando a perfeição é mais complicada ainda de se atingida sob pressão. (Difícil alguém escrever tão bem sob pressão.)
Pare de se comparar os outros, que já alcançaram sei lá quantas coisas e você não conseguiu tantas coisas quantos elas. Mas é igual passinho de formiga, cada conquista é uma conquista, por mais ínfima que seja.
Não tenha vergonha de admitir que precisa engordar um pouco, mesmo que as pessoas lhe olhem torto e fala que você não precisa. Não foram elas que viram os 50kg virarem 47, sem explicação lógica e sem vontade alguma de perder peso. Questão de saúde é questão de saúde!
Não ligue para o que os outros podem falar ou não de você. A sua vida não diz respeito a eles!
Pare mesmo, de verdade, com essas neuras de você tem. Tudo isso só te faz mal! Não queira ser perfeita, tanto de beleza, de corpo, dos seus textos, de personalidade, de vida, de tudo.
Sabe aquela história do "Seja você mesma e é o que importa" e também o "tem gente que te ama do jeito que você é". São duas verdades! Carregue-as sempre com você e desencana disso, por favor.
Sua serotonina agradece!

3 comentários :

Beatriz disse...

Oi, Ane. Eu não poderia me identificar mais com o seu texto como me identifico atualmente. Sei como é se colocar sob pressão e peço para que você tente lutar contra esse autojulgamento. Sempre me coloquei sob altas metas e, agora que vejo várias delas se desfazendo diante de meus olhos, me sinto muito mal. Espero você melhore o quanto antes.
Acabei de responder a tag para qual me você me indicou. Beijinhos, Beatriz.

www.odiariodeumaescritorainiciante.blogspot.com.br

Gislaine Oliveira disse...

Oiii, Ane. Super me identifiquei com seu texto.
Ontem tive uma crise feia. "Nada dá certo na minha vida. Porque eu não sirvo pra nada mesmo. Fico fazendo peso no mundo. Peso inútil." É foda né? Ainda bem que o dia amanheceu e eu acordei um pouquinho melhor.
Mas é difícil não se cobrar né? Parece que todo mundo consegue menos a gente. Mas é assim mesmo, não tem jeito. Tudo tem um tempo e aos poucos nosso tempo vai chegando <3
Sucesso!
Um beijão
http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

Ricardo Biazotto disse...

Acho que as meninas que comentaram na postagem disseram tudo o que eu poderia falar sobre esse texto. Uma amiga vivia dizendo que "o céu está sempre lá fora" quando algum problema surgia e aos poucos fui adotando essa frase também. Como disseram, tudo tem o seu tempo e o mais importante é saber compreender, esperar e aceitar o que a vida tem a lhe oferecer. ;)

Beijos,
Ricardo - www.overshockblog.com.br