Katanagatari

domingo, 20 de maio de 2012

Uma review de anime hoje! Não direi que é dos desconhecidos, não acho que seja.
Eu tenho recomendado muito esse anime há uns tempos.
Conta a história de Shichika, descendente e um estilo que chamam de "A espada perfeita". Ele e a irmã vivem em uma ilha, exilados, mas quem foi exilado foi o pai deles. Shichika matou seu pai!
Um dia, Togame, que faz parte de alguma coisa do exército, chega na ilha e vai falar com Shichika e a irmã.
E explica que está procurando 12 "espadas" especiais forçadas por um pessoas importante.
Shichika aceita a proposta de Togame e sai com ela em uma jornada em busca das espadas com duas condições: proteger Togame e não quebrar nenhuma espada.
Em cada episódio eles pegam uma espada. Elas sempre estão com alguém muito forte(clichê!).
E não são apenas eles que estão atrás das espadas(clichê!). Os ninjas Maniwa também.
Esse anime tem um diferencial: episódio de 50 minutos. Mas são minutos que valem a pena. A história fica mais desenvolvida e as falas também.
E a sua animação um pouco diferente. De começo, ela é bem estranha, mas até que você acostuma e acha bonito. Não é animação mal feita, sabe!
Assisti esse anime porque meu namorado me passou.
Uma coisa aconteceu que me deixou com muita raiva, mas não vou contar. Senão darei spoiler!
Super recomendo esse anime. E o final é épico! (Deixando na curiosidade.)
E esse anime me ensinou uma palavra ótima que eu uso no Otaku. Culpa total da Togame.
Mas só assista o episódio se tiver um tempão livre. Já sabem por que, né?

0 comentários :