Polissíndeto

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Nossa vida é como um polissíndeto, cheio de adições, cheio de remendos.
Muitos "e" e muitos "nem". Só conseguimos adicionar ou trocar. A correria não permite a pausa que a vírgula dá. 
Eu e você e minha família, nem por todas as melhores coisas trocaria. Nem dinheiro, nem fama.
Correndo e adicionando e remendando os "es" e os "nens".
Conforme passa a correria, vai diminuindo e diminuindo... 
Finalmente temos como respirar, a vírgula volta, e, nos faz voltar a encher o pulmão direito.
Inspira, expira, inspira, expira.
Então, com esse ritmo mais lento, nossa vida passa a ser um assíndeto.
Cheio de vírgulas, de pausas, tempo, de ar, respiração e calma.

0 comentários :